Saúde Sexual

January 3, 2017

 

 

Durante séculos o ser Humano debateu a sexualidade e o ato sexual através de diversas linguagens, tais como, a religião, a arte, a bruxaria, a ciência entre outros. Este tema foi fruto de muito debate e polêmica, envolvendo rituais e proibições. Durante muitos anos, a sexualidade esteve associado a reprodução, sendo que em meados do séc. XX passou a ser designada como um direito do ser humano, não só o ato, como também o prazer sexual. A vivência da sexualidade é um direito e uma condição fulcral para a qualidade de vida e bem-estar de um indivíduo. A saúde sexual e o bem-estar físico e emocional estão associados a factores orgânicos, psicológicos e sociais que condicionam a percepção de satisfação e a experiência prazerosa e segura da sexualidade.

 

No que diz respeito aos factores orgânicos, a presença de uma doença física e/ou medicações podem influenciar directa ou indirectamente a sexualidade. Doenças como diabetes, hipertensão, problemas na tiróide, depressão, fibromialgia, incontinência urinária, entre outras, aumentam a probabilidade do aparecimento de disfunções sexuais devido às condições de saúde, o nível de stress, ansiedade e desconforto elevado, impedindo uma vivência plena da sexualidade.

 

Os factores emocionais e relacionais, como a saúde mental, a qualidade da comunicação do casal, o grau de intimidade, o nível de cumplicidade, a percepção de amor e os índices de satisfação sobre a vida, a relação e a sexualidade constituem parte integrante e fundamental no funcionamento da sexualidade no bem-estar.

 

Em 1998 o comprimido azul chamado Viagra revolucionou a cultura sexual, na medida que possibilitou com que casais sexualmente inativos, pudessem retornar a uma sexualidade “esquecida”. Atualmente a ciência evoluiu, tanto ao nível do conhecimento físico, como do conhecimento psicológico e tecnológico, conseguindo compreender a sexualidade como um comportamento complexo. Inclusivamente, Alguns cientistas defendem que os problemas de cariz sexual deveriam ser considerados uma questão de saúde pública, devendo consciencializar e informar a população sobre os problemas a nível sexual, bem como, o incentivo ao seu tratamento e resolução do problema.

 

Muitas pessoas ainda não têm conhecimento de que existem patologias do foro sexual, denominadas por Disfunções Sexuais, que constituem uma perturbação nos processos que caracterizam o ciclo de resposta sexual ou dor associada com o coito. Este ciclo de Resposta Sexual é um processo fisiológico e psicossomático.

 

Estudos revelam que a prevalência cumulativa das disfunções sexuais circunda os 56% nas mulheres e 24% nos homens, sendo que as disfunções sexuais mais incidentes nas mulheres são a falta de desejo sexual, dor e/ou desconforto durante o coito, falta de lubrificação, dificuldade ou ausência do orgasmo e dificuldade em concretizar o coito. Nos homens as disfunções sexuais mais frequentes são a disfunção eréctil, ejaculação prematura, falta de desejo sexual e ausência de ejaculação.

 

A QUE PROFISSIONAL RECORRER? Será que o meu médico ou psicólogo sabe que a sexualidade é tratada sobre os preceitos da sexologia e da medicina sexual? Uma percentagem significativa de pessoas, ainda hoje, não recorrem a profissionais de saúde adequados para efetuar tratamentos para as dificuldades sexuais. Caso identifique a existência de algum problema e/ou alguma insatisfação a nível sexual procure um especialista. Faça sempre uma avaliação médica e psicológica com profissionais especializados. A Clínica Saudavelmente dispõe de especialistas que podem ajudá-lo nesta temática.

 

 

A que profissional recorrer? Será que o meu médico ou psicólogo sabe que a sexualidade é tratada sobre os preceitos da sexologia e da medicina sexual? Uma percentagem significativa de pessoas, ainda hoje, não recorrem a profissionais de saúde adequados para efetuar tratamentos para as dificuldades sexuais. Caso identifique a existência de algum problema e/ou alguma insatisfação a nível sexual procure um especialista. Faça sempre uma avaliação médica e psicológica com profissionais especializados. A Clínica Saudavelmente dispõe de especialistas que podem ajudá-lo nesta temática.

Please reload

Featured Posts

HIPNOTERAPIA... O QUE É?

September 16, 2015

1/4
Please reload

Recent Posts

January 3, 2017

September 16, 2015

Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags
Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Saudavelmente, um novo olhar sobre a saúde mental!

Consultas de psicologia, psicoterapia e psiquiatria na área da saúde mental e grupos terapêuticos.

VISITE-NOS NA MARGEM SUL:

 

Rua Almeida Garrett, 22 - A, BARREIRO, 2830-038

Horário do Secretariado:

Segunda a Sexta

10h às13h e 14h às 19h

Sábados

10h às12h

Horário das consultas (conforme disponibilidade médico / psicólogo):

Segunda a Sábado

9h às 21h

  • Wix Facebook page

CONTACTOS:

 

Tel: 212 046 306

c.medico.saudavelmente@gmail.com

@2014 clinica saudavelmente

por www.mariabartolomeu.com